Em: 18 de setembro de 2017 as 10:03

Projeto de coleta de óleo de cozinha usado é desenvolvido nas escolas municipais

Para preservar o meio ambiente de uma forma sustentável e dar o destino adequado ao óleo de cozinha, a Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente do município de Ipanguaçu, deu início ao Projeto de Educação Ambiental e Coleta de Óleo de Cozinha Usado, nas escolas.

Nesta semana, alunos da Escola Municipal Professora Francisca Da Salete Ribeiro Barreto, receberam o Engenheiro Agrícola e Ambiental, Artênio Cabral, que na ocasião explicou um pouco sobre os prejuízos que o óleo acarreta ao meio ambiente e como o projeto será desenvolvido. O descarte irregular no esgoto doméstico causa o entupimento e a proliferação de insetos. “Cada litro de óleo despejado nos rios, represas e mananciais pode contaminar cerca de 25 mil litros de água, elevando custos em seu tratamento e inviabilizando o consumo”, ressaltou Artênio.

“Desenvolver esse projeto de reciclagem de óleo de cozinha junto com a comunidade escolar é uma experiência muito positiva na medida em que os alunos serão conscientizados da importância da preservação do meio ambiente como única forma de garantir uma vida de qualidade para as futuras gerações”, destacou Somália, Secretária de Agricultura e Meio Ambiente. A ideia é que sejam espalhados pontos de coleta em toda a cidade.

Além desta, outras ações estão sendo desenvolvidas nas escolas municipais visando a educação ambiental, como: plantio de árvores, coleta de pilhas, baterias e a conscientização diária nas salas de aula em atividades propostas pelos professores.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Últimas manchetes